Home > madeira 

Ponta de São Lourenço e Miradouro Baía d´Abra

Photo 1
Photo 1
Todas as fotografias / imagens são fornecidas apenas para orientação.
Localiza-se no Caminho do Meio, Quinta do Bom Sucesso, freguesia de Santa Maria Maior, cidade do Funchal, na ilha da Madeira, Portugal
 
A Ponta de São Lourenço é a longa (c. 6 km) península que constitui o extremo oriental da ilha da Madeira, a leste da povoação do Caniçal e termina no ilhéu do Farol.

Na Ponta de São Lourenço pode-se maravilhar com as fabulosas vistas marinhas onde o norte conhece o sul da ilha da Madeira.

Neste lugar as sensações são únicas devido ao contraste entre a serenidade do mar do sul e o mar agitado do norte.

Nesta zona pode descobrir e desfrutar de bonitos exemplares de fauna e flora únicos, conhecer formações rochosas resultantes da origem vulcânica da ilha, e o visitante pode observar baleias e golfinhos.

Na Ponta de São Lourenço explore as maravilhas únicas desta Reserva Natural de várias formas e aproveite ao máximo o seu dia.

O visitante pode observar as belas cavernas de perto e tire lindas fotos das escarpas vulcânicas, e desfrute de um dia memorável explorando a Reserva Natural da Ponta de São Lourenço de caiaque, mergulho com snorkel e passeio de barco.

O turista pode observar o mundo subaquático do Cais do Sardinha e ver lindas espécies de peixes como polvos e chocos, lindas algas e esponjas, a rara Foca Monje.

A Tour do Farol fica no extremo da Ponta de São Lourenço e visita o belo farol antes de regressar à Marina da Quinta do Lorde.

A Vereda da Ponta de São Lourenço assume destaque por pertencer à Rede Natura 2000 e por ser um ex-libris no circuito de geossítios da Madeira, correspondendo a um sítio de elevada relevância geológica.

O concelho de Machico é de resto considerado como o "Geopark" da Ilha da Madeira, tendo mais de uma dezena de locais de interesse geológico que poderá igualmente explorar e considerar para a sua rota geológica.

A Vereda da Ponta de São Lourenço é um percurso de ida e volta, numa extensão de cerca de 8 Km (ida e volta), sendo considerado um trilho de realização e orientação média.

As paisagens amplas sobre a península são únicas, sendo possível no final do trajeto, visitar o Centro de Receção do IFCN e conhecer em pormenor as espécies naturais que habitam na Ponta de São Lourenço.

O visitante pode ainda aproveitar para se refrescar e dar um mergulho nas águas límpidas do Cais do Sardinha, assim como subir ao ponto mais alto da península e observar em 360 graus toda a envolvência litoral.

No final do trajeto existe uma zona onde pode descansar e merendar de forma tranquila, e o regresso é feito pelo mesmo caminho até ao ponto de partida.

O visitante que adora a natureza é uma paragem obrigatória na ilha da Madeira onde cada canto é um quadro lindo que merece ser registado, e contemplar uma paisagem natural onde o mar abraça a terra numa sintonia perfeita, e mesmo com alguma neblina o local é deslumbrante.

A caminhada é de dificuldade média com muitas subidas e algumas descidas íngremes permite fazer um percurso espectacular pelas arribas com vistas magníficas, uma parte do percurso tem degraus, e no cais do Sardinha pode optar por regressar de barco, e pode ver uma outra perspectiva da ilha da Madeira que é a aridez.
O Miradouro Baía d´Abra
 
O Miradouro Baía d’ Abra localizado na Ponta de S. Lourenço, península mais a este da ilha e batizada com o nome da caravela de João Gonçalves Zarco pelos descobridores aquando a descoberta da Ilha.

O Miradouro da Baía d´Abra dá-nos uma vista espetacular sobre a Ponta de S. Lourenço e a sua orla costeira onde podemos observar o fenômeno da erosão provocada pelas águas do mar e pelos ventos sobre os vários materiais eruptivos, e ainda observar vistas únicas sobre a costa norte e sul da ilha da Madeira.