Home > óbidos 

Igreja de São Tiago

Photo 1
Photo 1
Todas as fotografias / imagens são fornecidas apenas para orientação.
Localiza-se dentro das muralhas da cidade de Óbidos, no Largo de São Tiago do Castelo, vila de Óbidos, Distrito de Leiria, Centro de Portugal
 
A Igreja de São Tiago é um templo de estilo barroco e neoclássico que foi construído em 1186 por ordem de D. Sancho, e mais tarde reconstruído após ter sido destruído no terramoto de 1755.

A igreja originalmente dispunha três naves com a entrada principal voltada para Oeste, e destinava-se ao uso da família real durante a sua estadia em Óbidos sendo enriquecida durante a passagem dos séculos com numerosas obras de arte destaca-se a Galeria da Rainha, obra de escultura gótica.

A Igreja de São Tiago foi edificada em 1186 por ordem de D. Sancho I e era o templo que servia o castelo e estava voltada a poente, de estilo gótico com 3 naves.

A Igreja de São Tiago ou de Santiago é uma construção do século XII, de 1186, por ordem de D. Sancho I situa-se junto da entrada do castelo e é dos templos mais conhecidos da vila devido à sua situação no final da rua principal.

A igreja foi completamente destruída pelo terramoto de 1755 e foi reconstruída em 1772, alinhando a sua fachada com a Rua Direita, apoiando o culto dos "caminhos de Santiago" e atualmente serve de Auditório Municipal.

A sua reconstrução, num estilo bastante diferente do gótico original terminou em 1778, a sua entrada, originalmente virada para o castelo, está agora virada para o centro da vila, foi utilizada como apoio aos peregrinos que se dirigiam a Santiago de Compostela

O altor-mor dispunha de um retábulo representando São Tiago Maior que data a segunda metade do século XVI cujo autor é desconhecido, atualmente a obra encontra-se em exposição no Museu Municipal de Óbidos.

A igreja estando durante muito tempo abandonada, foi recuperada pela instituição "Ler Devagar" e transformada na grande Livraria de Santiago, não perdendo no entanto o seu significado original.

O altar, o coro e todo o espaço foi adaptado com estantes e mesas para exposição e venda de livros, o visitante pode ainda ver exposições, debates, projeções de filmes, lançamento de livros e tomar um café.

José Pinho, da "Ler Devagar", transformou outros espaços de Óbidos no mesmo sentido, para tornar a vila numa "Vila Literária" e a igreja mantém nas paredes diversas pinturas de grande valor.

A Igreja de São Tiago, templo iniciado no século XII e um dos edifícios mais emblemáticos da vila, é agora a Grande Livraria de Santiago.

A igreja situada dentro das muralhas da vila, na Cerca Velha, junto à entrada do castelo, neste espaço pode encontrar uma grande variedade de livros, projecção de filmes, debates, lançamento de livros e exposições.